Chão de madeira: o tipo de pavimento que nunca sai de moda

Quais os diferentes tipos, vantagens e desvantagens e onde pode encontrar opções de chão de madeira são algumas das questões que vai ver respondidas neste artigo.

Não haverá casa que não tenha pelo menos uma divisão com este tipo de pavimento. Afinal, o chão de madeira é dos pisos mais utilizados desde sempre e continua a ser o grande escolhido na hora de revestir o chão de uma casa. 

Esteticamente muito apelativo, com um acabamento que permite criar um ambiente bem acolhedor e com uma multiplicidade de tipologias, cores, dimensões e texturas, o chão de madeira é um material que importa mesmo conhecer. Vamos a isso? 

Tipos de piso de madeira

Dependendo do seu gosto pessoal, do que pretende para a sua casa e, claro está, do orçamento que tem disponível, existem vários tipos de chão de madeira. Conheça os principais.

Tábuas de madeira natural 

Esta é a versão mais cara no que toca ao chão de madeira, mas é também a mais resistente e durável. E claro, confere ao espaço um ambiente acolhedor, mais quente e esteticamente delicioso. 

Falamos de tábuas de madeira maciça, sem qualquer adição de composto ou laminado, e pode escolher variadíssimos tipos deste material: pinho, cerejeira, sucupira, entre outros.

Nestes casos, deve apenas ter em atenção a sua manutenção regular e estar atento a possíveis pragas e bichos. 

Laminado 

No caso dos pisos de madeira laminados, mais económicos, falamos de tábuas que agregam madeira natural com composto e cola, de forma a tornar as réguas mais grossas e resistentes.

Hoje em dia já é possível encontrar soluções de laminados de grande qualidade e a sua manutenção não é muito exigente; deve apenas garantir os cuidados básicos que lhe indicaremos. 

Vinílico de madeira em rolo

Praticamente igual ao chão de madeira laminado, esta versão acaba por ser mais económica mas é também mais frágil e de grossura bem menor. Não é aconselhável para locais que tenham uma utilização média ou grande. 

Outros materiais que imitam madeira 

Também há quem opte por esta versão: imitação de madeira. No entanto, vamos desde já avisá-lo: por mais que esteticamente fique quase impossível de dizer que não é madeira, a temperatura que a madeira consegue oferecer nunca será possível com, por exemplo, uma cerâmica. 

Uma das alternativas em que fará mais sentido utilizar este tipo de pavimento é no caso dos espaços exteriores e que tenham um grande contacto com água (terraços, espaços junto a piscinas, etc.). 

Vantagens do piso de madeira

Ambientes mais confortáveis

Nenhum outro material consegue dar uma sensação de tanto conforto como a madeira. Além disso, ela é um material com bom um desempenho térmico e a sua temperatura é sempre agradável ao toque. 

Isolamento 

A madeira é um material absorvente, tanto de som como de temperatura e auxilia no processo de eliminação do eco nos ambientes interiores. 

Versatilidade 

Uma das grandes vantagens do chão de madeira é mesmo a sua versatilidade. Até na casa de banho e cozinha se pode colocar!

Hoje está muito em voga, por exemplo, revestir o quarto e a suite com o mesmo piso de madeira ou a cozinha e sala nos casos de espaços amplos.

Nestas situações deve apenas garantir que aposta num material de qualidade atestada e resistente. 

Fácil manutenção 

Sim, é verdade! Seguindo algumas regras básicas, acaba por ser bem fácil limpar pisos de madeira e mantê-los como novos. Evite produtos com muitos químicos, privilegie o espanador e o aspirador e está feito! 

Amigo da saúde 

O chão de madeira é excelente para pessoas com problemas respiratórios dada a sua componente hipoalergénica. Além disso, são uma boa opção para quem tem animais, dado que é muito fácil a sua limpeza posterior. 

Durabilidade

Alguns pisos de madeira podem durar uma vida! Com uma boa manutenção e limpeza, existem casas que exibem orgulhosamente o seu piso centenário. 

Desvantagens do piso de madeira

Inspeção regular

Sobretudo no caso do chão de madeira natural, é necessário garantir que verifica o seu estado regularmente. Adicionalmente, será necessário aplicar uma camada protetora de verniz e fazer mesmo a raspagem quando já estiver muito desgastada. 

No caso do laminado, a desvantagem prende-se com o facto de ser mais difícil tratar após os famosos riscos no chão. 

Atenção especial em ambientes húmidos 

Nem todas as madeiras estão preparadas para receber a quantidade de humidade de uma casa de banho e cozinha, por exemplo. Se gosta deste tipo de pavimentos para estas divisões, deve fazer uma escolha muito informada e garantir que faz a manutenção sem falhas! 

Dicas para cuidar do chão de madeira

  • Se seguir algumas dicas e recomendações, é possível prolongar a longevidade do seu chão de madeira durante muitos e bons anos! 
  • Prefira sempre produtos específicos para a lavagem de chão de madeira. Ou então detergentes neutros, sem grandes químicos e cheiros;
  • Mantenha o seu chão limpo e aspirados regularmente, evitando que pedras e outros objetos o possam riscar;
  • Prefira andar descalço ou com pantufas em casa: assim vai evitar mais sujidade e riscos de tacões, por exemplo;
  • Sempre que necessário, e no caso dos pisos de madeira natural, aplique o verniz protetor para evitar estragos de maior; 
  • Evite limpar a madeira com uma esfregona molhada sempre que fizer limpeza a casa. 

Onde compra? 

Se há coisa fácil de encontrar são locais onde possa comprar chão de madeira. Existem várias superfícies comerciais que disponibilizam este produto. Como alternativa, e se preferir algo mais personalizado, pode sempre contactar uma empresa de carpintaria e comparar orçamentos.

Este conteúdo é uma reprodução do E-Konomista “Chão de madeira: o tipo de pavimento que nunca sai de moda”. Pode visualizar o artigo na sua integra através do seguinte link: https://www.e-konomista.pt/chao-de-madeira/


Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code