10 ideias para renovar a sua cozinha, por menos de 100€

Vai parecer mentira, mas com pouco mais de 100€, pode dar um bom acabamento à sua cozinha, sem a necessidade de a deitar abaixo ou pedir um empréstimo. Reformas rápidas, simples e, acima de tudo, eficazes que a tornará muito mais atraente em tempo recorde… Estreie a cozinha seguindo estas 10 ideias low cost que lhe propomos e vai ver como vai querer mostrá-la no Instagram…

1. Mude as portas

Se a sua cozinha não é muito antiga e a sua estrutura está bem, aproveite para fazer uma mudança apenas às portas. Uma opção rápida seria trocá-las por outras novas. Mas isso faria com que ultrapassássemos o orçamento estabelecido. Sendo assim, arrancamos com o plano B, graças à pintura para móveis. Normalmente, precisará de uma pré-limpeza, uma demão de primário e depois várias passagens com a tinta escolhida. Os esmaltes para móveis podem aplicar-se sobre a melanina, aglomerados ou até mesmo madeira maciça. Então como limpo a cozinha? Da maneira de sempre, esses esmaltes são facilmente laváveis. Siga as recomendações do fabricante e tudo irá correr bem.

2. Retire os puxadores antigos

Os puxadores são outra das coisas que fazem com que uma cozinha fique envelhecida e ultrapassada. Repare no tamanho dos antigos e, na medida do possível, escolha outros que se apliquem no mesmo sítio. Se não corresponderem, não há problema, mas terá um pouco mais de trabalho. Terá que comprar massa para cobrir os antigos buracos, aplicá-la, deixá-la secar e depois passar uma lixa macia. Agora que já não há vestígios dos velhos, pode colocar os seus novos puxadores. Atenção, estão na moda os de tipo cocho ou maçaneta clássicos, mas cada um tem o seu próprio gosto. 

3. Piso novo (sobre o velho)

Se o pavimento da sua cozinha está bem nivelado, está com sorte, porque pode estrear um novo pavimento sem ter que levantar o velho. Tem pavimentos laminados, vinílicos ou de cerâmica de poucos milímetros de espessura (pensados exatamente para não ter que rebaixar as portas). Procure sempre uma alta resistência à humidade, manchas ou aos golpes e com garantia abrangente para que dure muitos anos, nas melhores condições. O microcimento é uma solução ainda mais rápida e eficaz que cobre o chão velho e deixa uma superfície perfeita, sem juntas e totalmente impermeável, mas vai fazer ultrapassar o orçamento; sendo assim, fica em “standby” para o futuro. De momento, com estes pisos de “só colar” estamos bem.

4. Paredes com outro aspeto

A pintura é fácil de aplicar, económica e muito eficaz. Para fazer uma transformação rápida à sua cozinha, basta pintá-la de uma cor diferente. O ideal é que seja pintura resistente ao dia a dia da cozinha (humidade, gordura), mas nunca é de mais aplicar, primeiro, uma capa isoladora para evitar problemas de humidade ou manchas. As paredes em tons pastel estão a apoderar-se das cozinhas, mas também ficaria muito bem uma parede com tinta de ardósia, onde pode deixar a lista de compras ou recaditos…

5. Os azulejos também

Sim, hoje temos no mercado esmaltes especiais para azulejos que funcionam às mil maravilhas. Basta escolher a cor que mais gosta e que fica melhor na sua cozinha… e começar a pintar. O branco é sempre um acerto, porque tudo vai ficar maior, mais limpo, mais luminoso. Mas também pode apostar noutra cor, se quiser uma mudança radical. Depois de pintar, pode pedir que se aplique um protetor para que a pintura resista melhor (há de efeito mate ou lacado). Em caso de dúvida, peça ajuda a um profissional!

6. Uma bancada com os três “B”

Já sabe, bom, bonito e barato… A área frontal da cozinha é a que mais sofre. Na área da confeção é onde se concentra toda a gordura e é difícil mantê-la, sempre, em perfeitas condições. Uma forma simples de a renovar, sem gastar muito, é instalando uma nova bancada de aço ou sintético, mesmo com vidro fosco ou serigrafado. Quantos mais centímetros, mais caro, por isso limite-se a apenas os 60-80cm que tenha a sua placa de cozinhar e pronto!

7. Ilumina melhor

“O que é que fez à cozinha que parece tão grande?” Com toda a certeza, vai ser o primeiro comentário que vai ouvir se melhorar a iluminação da sua cozinha. Considere alterar as suas velhas lâmpadas por LEDs e notará que iluminam mais e gastam menos. Aproveite para instalar lâminas ou réguas de tomadas acima das prateleiras ou na borda dos móveis e tudo ficará muito melhor e com aparência de mais espaçoso.

8. A torneira também merece uma reforma

Parece bem ir pelo vintage, mas uma torneira cheia de calcário e a perder todo o esmalte não é nada atraente. Pois não? Aproveite que está a reformar a cozinha e troque-a por uma nova, que seja muito mais resistente e estética. Se optar por um modelo com o dispositivo de poupança de água, sem perceber vai também reduzir o seu consumo E, com isso, nestes tempos, conta e muito! 

9. Algumas prateleiras ou calhas

A Ikea tem a culpa de que agora todos nós nos tenhamos apaixonado pelas cozinhas com frentes abertas. Mas cuidado, porque na prática, não são simples de manter, nem muito menos de limpar com tanta “tralha”. A nossa recomendação, se gosta de ter a louça exposta, é que instale uma ou duas prateleiras e uma calha onde colocar alguns utensílios e objetos de pouco uso (não muitos). Dessa forma, a maior parte dos utensílios de cozinha estarão guardados e cá fora estão apenas aquelas coisas que quer mostrar.

10. O ponto natural

As plantas dão sempre calor e aroma a qualquer espaço, logo há que aproveitar esses benefícios e adicioná-los à cozinha. Se em vez de plantas decorativas, escolher aromáticas ou comestíveis, terá um 2×1 em toda a regra. Por isso, aposte nas plantas!

Este conteúdo é uma reprodução do Habitíssimo “10 ideias para renovar a sua cozinha, por menos de 100€”. Pode visualizar o artigo na sua integra através do seguinte link: https://projetos.habitissimo.pt/projeto/10-ideias-para-renovar-a-sua-cozinha-por-menos-de-100e


Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code